Qualidade de vida | Quality of life

o-LONDON-BUS-facebook

Tenho muito orgulho do meu país tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza SIM! Mas não tenho como negar que em relação à qualidade de vida a Inglaterra dá de 10 à 0 no Brasil, como vocês já devem saber, e eu senti a diferença em a váárias coisas.

Para começar, o transporte público funciona! Na frente da minha escola tem ônibus pro centro da cidade passando de cinco em cinco minutos e a gente pode acompanhar a previsão de chegada do próximo num telão na parada, que é super segura e não tem nenhum problema ficar esperando depois de já ter escurecido. Os ônibus geralmente não ficam superlotados, todo mundo senta e não tem empurra-empurra. E se você estiver se perguntando: sim, tem aqueles ônibus vermelhos de dois andares mesmo! hahaha Aqui em Oxford você compra o bilhete com o motorista mesmo, mas em Londres você tem que ter um Oyster Card (cartão de débito válido só para o transporte público) e passá-lo na hora de entrar no ônibus. O metrô de Londres também é bom, mas em certas épocas do ano e horas do dia fica cheio demais e para quem não é acostumado (vulgo eu) pode ser meio complicado, mas nada impossível de usar até porque é tudo bem sinalizado. Fora isso, tem uma infraestrutura bem legal para pedestres e principalmente para bicicletas, já que aqui se anda muito à pé e muitas vezes se troca o carro pela bike. Aliás, eu tenho vários professores que vem para escola de bicicleta (até o diretor da escola! hahaha). Nem preciso dizer que super estranhei quando cheguei aqui…

O sistema de saúde pública (chamado NHS, uma versão inglesa beem melhorada do SUS) é incrível! Acompanhei uma amiga numa consulta num hospital público aqui perto, ela não teve que marcar horário, foi atendida em cerca de 10 minutos e disse que ficou bem satisfeita com o atendimento. Mesmo a gente não sendo daqui bastou ela se registrar com o NHS quando chegamos ao hospital e pronto, pôde usufruir dele da mesma forma que um cidadão britânico usufruiria. Outra coisa muito legal é que se você é estudante e tem 16/17 anos você não precisa pagar pelo medicamento (se você tiver a prescrição). Uma vez precisei comprar um remédio para alergia e vocês podem imaginar minha cara de espanto quando a moça da farmácia me disse que eu não precisaria pagar hahahaha.

Outra diferença é que é bem seguro de andar a pé a qualquer hora do dia e em qualquer região da cidade também. Por exemplo, na hora de jantar eu tenho que ir de um prédio da escola para outro quando já está de noite e pode parecer meio esquisito para brasileiros, já que a rua fica bem escura de noite e lá tem muita vegetação, mas não tem problema nenhum e é bem tranquilo. De qualquer modo, sempre ouço dizer que o maior problema de Oxford quanto a crimes é o furto de bicicletas, então é preciso ter bastante cuidado e acorrentar bem a sua bike quando você for se afastar dela, principalmente se ela for de um modelo bom.

Para finalizar, minha última observação em relação à qualidade de vida é a conservação das cidades. Tanto em Oxford quanto em Londres os prédio são muito bem cuidados, mesmo que muitos deles sejam bem antigos. Sinto que as pessoas tem um zelo muito maior pelo ambiente ao seu redor: nunca vi um ônibus vandalizado, e é raro ver lixo nas ruas ou parques e  pichações nos muros da cidade são também menos frequentes. Fora isso, as áreas verdes da cidade são muito bem cuidadas e o asfalto também é muito bom, bem lisinho haha

E então. o que vocês acharam mais interessante? Deixem seus comentários! 🙂


Hey guys,

I am VERY proud of my “tropical country, blessed by God and naturally beautiful” (as Jorge Ben For, a Brazilian musician would say)! But there’s no way I can deny that, in relation to the quality of life, the UK is infinitely superior to Brazil, as you probably already know, and I can feel the difference a number of things.

To start with the fact that the public transportation actually works. Buses going towards the city centre stop in front of my school every 5 minutes and we can check the estimated time of arrival on a screen in the bus stops, which are quite safe and there’s no risk in waiting there, even when it’s already dark. The buses are generally not overcrowded, so everyone is able to sit down. And, since you might be asking yourself: yes, there actually are two-floor red buses! hahaha Here in Oxford you can buy the ticket with the bus driver, but in London you will need an Oyster Card (a type of debit card that is only valid for public transportation) which are charged when you get into the bus. The underground in London is also good, but in certain periods of the year and certain times of the day it can get very full and if you’re not used to taking trains (like me) it can get a bit confusing. However, the directions are well signalised so it’s not “impossible” to go to places by metro. Apart from that, there is a great infrastructure for pedestrians and cyclists, since here people go to places by feet a lot or have bikes instead of cars. By the way, i have lots of teacher who come to school by bike (even the school headmaster!) hahaha. Do I need to mention that I found that super weird when I arrived here?

The public health system (called NHS, a much improved British version of the Brazilian system, SUS) is incredible! I friend of mine had to go to a public hospital in our neighbourhood and I went with her. She didn’t need to make an appointment, only had to wait for 10 minutes before the doctor could see her and was very satisfied with the service. Even though we are not British citizens she only needed to fill in a form when she arrived in the hospital to be able to use the NHS services. Another interesting thing is that if you are 16/17 years-old and a student you don’t need to pay for your medication (if you have prescription). Once I needed to buy an allergy medicine and you can imagine my reaction when the lady in the pharmacy told me that I wouldn’t need to pay for it hahaha.

Another difference is that it’s very safe to walk anywhere in the city at any time of the day. For example, when it’s time to have dinner I have to walk from one of the school buildings to the other when it’s already night and that might seem weird to Brazilians, since the street gets pretty dark and there is a lot of vegetation, but there is no problem in walking there. However, I always hear that Oxford’s biggest problem when it comes to crimes is the stealing of bicycles, so it’s important to be very careful and tie your bike very well when you leave it somewhere, especially if it’s a good model.

To conclude, my last observation in relation to the quality of life is the conservation of the cities. The buildings in both Oxford and London are very well maintained, even though many of them are quite old. I feel like people here take more care of the environment around them: I’ve never seen a vandalised bus, it’s rare to see trash on the street or parks and there’s also less graffiti in the cities’ walls. Apart from that, the pavements are good and the green areas in the city are also well maintained.

That’s it! What did you guys find more interesting? Leave your comments below! 🙂

3 thoughts on “Qualidade de vida | Quality of life

  1. Descrição perfeita de tudo.
    Sempre me sinto aí, bem juntinho de você.
    E, é muito interessante verificar como você já está perfeitamente integrada ao modo de vida da Inglaterra.
    Queremos te ver feliz e, realizada.
    Beijos cheios de amor e, carinho da Tia Fátima.

    Like

  2. QUE INVEJA!!! Gostei de tudo, imagina morar numa cidade limpa, segura, não precisar marcar médico e tão pouco pagar pelos remédios. Ia esquecendo: GENTE BONITA!!! ANINHA aproveita bastante tudo isso…Estamos anciosos pela tua vinda… BEIJOSSSSS!!

    Like

  3. Tem mamis? Tem papis?
    Tem mana? Tem safada peluda?
    Tem tambaqui? Tem escondidinho de carne seca???
    E brigadeiro de ninho, tem?
    Não??????😱
    Então não tem qualidade de vida… 😬

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s